Secretário de Agricultura e Abastecimento, Francisco Jardim recebe representantes do setor de grãos

Postado em: 14/05/2018 ás 14:37 | Por: Paloma Minke

Uso do transporte hidroviário foi um dos temas da reunião de representantes do setor de grãos com Francisco Jardim

O secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Francisco Jardim, recebeu nesta quinta-feira (10), em seu gabinete, na capital paulista, o diretor geral da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec), Sérgio Castanho Teixeira Mendes, e o presidente da Câmara Setorial do Amendoim, Luiz Antônio dos Santos Vizeu, para debater os principais desafios do setor de grãos. A reunião foi acompanhada pelo assessor do Gabinete da Pasta, Eduardo Soares de Camargo.

O diretor geral da Anec solicitou ao secretário apoio na equalização na gestão dos recursos hídricos para evitar a descontinuidade da navegação pela Hidrovia Tietê Paraná, em períodos de seca. “Nossa matriz de transportes carece de hidrovias que resultam no transporte um quinto mais barato do que o rodoviário, com a vantagem de não poluir, ou causar acidentes e ser mais apropriado para longas distâncias”, avaliou Mendes.

De acordo com o diretor, o custo adicional brasileiro pela subutilização das hidrovias, comparado aos Estados Unidos, é de US$ 47 por tonelada, totalizando ao produtor um custo de US$ 4,8 bilhões por ano. “Com o montante, poderíamos construir uma hidrovia para escoamentos pelos portos do Arco Norte do País”, disse.

O presidente da Câmara Setorial do Amendoim, Luiz Antônio dos Santos Vizeu, destacou a defasagem no zoneamento do cultivo de amendoim, que de acordo com levantamento realizado pelo setor ocupa 170 mil hectares, número superior às estatísticas oficiais, que indicam 130 hectares. “No Estado de São Paulo, a produção se concentra nas regiões de Jaboticabal e Tupã, sendo que 65% do amendoim é exportado e desse total, 50% vão para a Europa, um mercado muito exigente”, explicou.

Outra questão levantada por Vizeu foi a necessidade de estimular a exportação do amendoim em grão para a China. O país já é grande consumidor do óleo de amendoim, poderíamos aumentar nossa participação”, avaliou.

As questões tributárias também foram foco das demandas do setor. “É preciso solucionar a dificuldade na utilização dos créditos de ICMS gerados pelas indústrias processadoras de soja”, finalizou Mendes, da Anec.

O secretário, que ouviu atentamente os anseios e desafios do setor, afirmou que fornecerá o apoio possível em ações que fortaleçam a produção e a exportação de grãos. “É uma determinação do governador Márcio França apoiar o setor produtivo agropecuário”, finalizou.  

Por Paloma Minke

Galeria do Flickr

Nenhuma imagem disponível.

Galeria do Site

Nenhum áudio disponível.

Informações:
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo
(11)5067-0069

Acompanhe a Secretaria: