Falta de chuvas: Secretaria de Agricultura de SP avança em medidas de apoio ao produtor rural no enfrentamento da estiagem

Postado Em: 12/06/2024 - 19:11 | Autor: Assessoria de Comunicação

Crédito para irrigação e segurança de produção para famílias rurais paulistas estão entre as prioridades do governo de São Paulo

No agronegócio, tudo gira em torno do clima. Os produtores rurais se planejam de acordo com as estações do ano, os períodos de chuva e de seca. No entanto, com o avanço das mudanças climáticas, a alteração do padrão de chuvas está causando dificuldades para planejar as produções, além de gerar prejuízos.

Nesse cenário, o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, vem investindo estrategicamente para reduzir as perdas dos produtores do Estado e garantir que os produtos agropecuários cheguem à população.

Com esse objetivo, o governador do Estado, Tarcísio de Freitas, e o secretário de Agricultura e Abastecimento de SP, Guilherme Piai, juntamente com dirigentes de outras Pastas e lideranças municipais, se reuniram nesta quarta-feira (12), no Palácio dos Bandeirantes, para discutir estratégias e iniciativas visando o suporte aos produtores rurais, por meio de linhas de crédito específicas para irrigação e armazenamento, além da ampliação da disponibilização dos equipamentos de combate de incêndios florestais para os municípios.

Durante a reunião, o secretário de Agricultura reforçou o compromisso da Pasta no suporte, principalmente, do pequeno e médio produtor rural do Estado de São Paulo. “Neste ano, tivemos a maior liberação de crédito da história para o FEAP e a criação do primeiro FIAGRO Estadual com recurso público. O investimento inicial de R$ 500 milhões visa promover o desenvolvimento e a inovação no campo, fazendo parte de um pacote de investimentos que totalizou R$ 1,4 bilhão destinado ao agronegócio paulista”, enfatizou Piai.

Combate a incêndios

Desde o início da gestão atual, o investimento da Pasta em equipamentos e viaturas de combate a incêndios para os municípios alcançou R$ 3,5 milhões. A Agricultura, por meio do Programa AgroSP+Seguro, disponibilizou mais de 100 kits de combate a focos de queimadas para prefeituras, com tanques rígidos e motobombas.

Linha de Crédito

A Secretaria de Agricultura, na Agrishow deste ano, assinou o decreto estadual de Irrigação – Irriga+SP, que visa dobrar áreas irrigadas de SP em quatro anos. Atualmente, apenas 6% da área produtiva paulista é irrigada. A meta paulista ainda prevê chegar a 15% até 2030.

Este decreto envolve a disponibilização de linhas de crédito para agricultores visando a aquisição de equipamentos agrícolas modernos para irrigação, por meio do FIAGRO, fundo específico para fomentar o desenvolvimento do setor agropecuário, e do FEAP, o Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista, vinculado à Pasta da Agricultura. Juntos, os recursos do Estado nestas duas frentes de acesso ao crédito, somam R$ 800 milhões.