Programa Milho+ SP fomenta produção em Adamantina

Postado Em: 25/04/2023 - 13:29 | Autor: Assessoria de Comunicação

Representando o governador do Estado de São Paulo, o secretário de Agricultura e Abastecimento, Antonio Junqueira, esteve na manhã desta segunda-feira (24/04), em Adamantina, na sede da Cooperativa Agrícola Mista (CAMDA), para uma visita técnica na fazenda experimental e apresentar as perspectivas e o resultado do Programa Estadual Milho+ SP.

No encontro, Junqueira, o diretor superintendente da CAMDA, Waldomiro Teixeira de Carvalho, o diretor de relações Institucionais da Corteva, Augusto Moraes Waldomiro, o gerente de Relações Governamentais, Francisco Rerberti da Valtra e o gerente de agronomia da Yara, Leonardo Soares, apresentaram o Programa que tem como objetivo promover a produção anual de 1 milhão de toneladas em 2023, impactando 100 mil produtores e 1 milhão de hectares na região noroeste do estado de São Paulo, com inclusão socioeconômica de agricultores de pequenas propriedades, localizados em regiões agronomicamente desafiadoras.

Outros temas discutidos foram a produtividade agrícola da região, a recuperação do solo e o cenário da produção local do milho, da soja e do amendoim.

O secretário, que também é produtor rural, enalteceu e parabenizou os trabalhos realizados pelos cooperados da CAMDA, pois essas ações contribuem diretamente para o fortalecimento do setor, principalmente, promovendo o pequeno e médio produtor rural. E destacou, ainda o turismo rural e a importância do compromisso de difundir informação da regularização ambiental, através do Cadastro Ambiental Rural (CAR). Além do planejamento estratégico pautado nas vertentes da conectividade, do seguro e das taxas mais baixas de financiamento.

Em seu discurso, Junqueira falou das ações realizadas pela Pasta para garantir a segurança jurídica aos proprietários de áreas rurais, mencionou o pagamento de serviços ambientais e o Microbacias III, além dos juros de 3% fixos ao ano do Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista (FEAP).

Estiveram presentes, a vice-prefeita de Adamantina, Maria de Lourdes; o deputado Mauro Bragato e os coordenadores da CATI, Alexandre Grassi; e o substituto, João Brunelli.

Sobre o Programa Milho+ SP

Criado pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, da Associação Brasileira dos Produtores de Milho (Abramilho) e das empresas Corteva Agriscience, Valtra (marca do Grupo AGCO) e Yara Brasil, com o objetivo de fomentar a adoção de tecnologias em pequenas propriedades, para aumentar a produção local e a de grandes empresas do agronegócio instaladas no Estado.

A iniciativa consolida um ecossistema de produtividade, que envolve diferentes etapas, como conhecimento agronômico e manejo ideal para a lavoura, adoção tecnológica em insumos e em equipamento/maquinário, acesso ao crédito e ao seguro, treinamentos e conexão com indústrias e tradings para escoar a produção.