São Paulo atinge quase 100% de cobertura vacinal contra febre aftosa

Postado Em: 07/02/2022 - 16:25 | Autor: Assessoria de Comunicação

99,82% do rebanho paulista de zero a 24 meses foi vacinado, de acordo com dados da Secretaria de Agricultura e Abastecimento de SP

O rebanho de bovídeos de zero a 24 meses está 99,82% vacinado contra febre aftosa no Estado de São Paulo. Ao todo, 99,33% das propriedades rurais paulistas também fizeram o registro de vacinação, de acordo com dados da Coordenadoria de Defesa Agropecuária (CDA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

A campanha paulista de vacinação se encerrou em 31 de dezembro e a declaração pôde ser feita até 07 de janeiro, presencialmente ou pelo site da CDA. “O escoamento das vacinas foi um problema enfrentado em praticamente todo o Brasil, por isso, atendendo à demanda dos produtores rurais, prorrogamos o fim da campanha em um mês e tivemos grande sucesso. Conseguimos aumentar a cobertura vacinal em relação à primeira campanha de 2021, realizada em maio, que atingiu 99,68% de cobertura”, afirma Adriano Macedo Debiazzi, assistente agropecuário da CDA e responsável pelo Programa Estadual de Erradicação da Febre Aftosa no Estado de São Paulo.

Na campanha realizada em maio de 2021, de acordo com dados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), São Paulo foi o segundo Estado com maior cobertura vacinal do País, ficando atrás apenas de Mato Grosso do Sul.

Além da excelente cobertura vacinal na segunda campanha do ano, São Paulo conseguiu aumentar o número de vacinações assistidas. Nesses casos, técnicos da CDA acompanham a vacinação nas propriedades, para verificar se a aplicação e o armazenamento da vacina estão sendo feitos de forma correta.

De acordo com Debiazzi, a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo e a Defesa Agropecuária têm trabalhado para que São Paulo seja uma zona livre de febre aftosa, sem necessidade de vacinação, o que permitirá a abertura de novos mercados internacionais para a carne e o leite produzidos no Estado.

“Desde 1996 não temos foco de febre aftosa em São Paulo. Não temos a circulação do vírus no Estado. Por isso, estamos fortalecendo nossa vigilância para alcançar essa conquista, a retirada da vacinação obrigatória, em breve”, afirma Debiazzi.

Na relação abaixo estão o número de bovídeos cadastrados aptos a serem vacinados, o número de animais vacinados e o percentual de animais vacinados em cada uma das 40 regionais de Defesa Agropecuária do estado de São Paulo.   

 

EDA de Andradina - 200.411 - 200.392 - 99,99% 

EDA de Araçatuba - 160.496 - 160.496 - 100,00% 

EDA de Araraquara - 59.369 - 59.334 - 99,94% 

EDA de Assis - 100.660 - 100.660 - 100,00% 

EDA de Avaré - 99.311 - 99.261 - 99,95% 

EDA de Barretos - 82.685 - 82.614 - 99,91% 

EDA de Bauru - 171.226 - 171.056 - 99,90% 

EDA de Botucatu - 122.795 - 120.592 - 98,20% 

EDA de Bragança Paulista - 88.147 - 87.752 - 99,55% 

EDA de Campinas - 48.677 - 47.570 - 97,72% 

EDA de Catanduva - 54.186 - 54.186 - 100,00% 

EDA de Dracena - 167.292 - 167.291 - 99,99% 

EDA de Fernandópolis - 118.353 - 118.353 - 100,00% 

EDA de Franca - 74.722 - 74.722 - 100,00% 

EDA de General Salgado - 220.806 - 220.778 - 99,98% 

EDA de Guaratinguetá - 138.685 - 138.674 - 99,99% 

EDA de Itapetininga - 126.751 - 126.748 - 99,99% 

EDA de Itapeva - 77.016 - 76.669 - 99,54% 

EDA de Jaboticabal - 35.720 - 35.720 - 100,00% 

EDA de Jales - 170.630- 170.630 - 100,00% 

EDA de Jaú - 61.530 - 61.530 - 100,00% 

EDA de Limeira - 48.881 - 48.808 - 99,85% 

EDA de Lins - 171.115 - 170.627 - 99,71% 

EDA de Marília - 181.278 - 181.278 - 100,00% 

EDA de Mogi das Cruzes - 8.597 - 8.597 - 100,00% 

EDA de Mogi-Mirim - 42.631 - 42.228 - 99,05% 

EDA de Orlândia - 40.339 - 40.339 - 100,00% 

EDA de Ourinhos - 124.938 - 124.938 - 100,00% 

EDA de Pindamonhangaba - 135.272 - 135.272 - 100,00% 

EDA de Piracicaba - 72.057 - 71.755 - 99,58% 

EDA de Presidente Prudente - 343.591 - 343.137 - 99,86% 

EDA de Presidente Venceslau - 409.213 - 408.871 - 99,91% 

EDA de Registro - 42.641 - 42.633 - 99,98% 

EDA de Ribeirão Preto - 53.077 - 53.065 - 99,97% 

EDA de São João da Boa Vista - 148.104 - 148.071 - 99,97% 

EDA de São José do Rio Preto - 206.960 - 206.406 - 99,73% 

EDA de São Paulo - 2.155 - 2.155 - 100,00% 

EDA de Sorocaba - 68.821 - 67.553 - 98,15% 

EDA de Tupã - 159.941 - 159.759 - 99,88% 

EDA de Votuporanga - 149.689 - 149.689 - 100,00% 

TOTAL - 4.788.768 - 4.780.209 - 99,82 %