Secretário de Agricultura preside reunião da Câmara Intersecretarial de Segurança Alimentar e Nutricional de SP, no Ital

Postado Em: 20/07/2022 - 17:25 | Autor: Assessoria de Comunicação

Secretário de Agricultura, Francisco Matturro, ressaltou pioneirismo e referência do Instituto nas áreas de interesse da Caisan

Sob presidência do secretário de Agricultura do Estado de São Paulo, Francisco Matturro, a Câmara Intersecretarial de Segurança Alimentar e Nutricional de SP (Caisan) se reuniu na manhã desta quarta-feira (20) no Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital), em Campinas, para sua sexta reunião ordinária. O encontro teve como principal foco a atuação estratégica   nas áreas de interesse da Caisan. Durante a visita, os presentes puderam conhecer parte dos laboratórios do Centro de Ciência e Qualidade dos Alimentos (CCQA) do Ital, órgão de pesquisa  vinculado à Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (Apta), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

“Gosto de trabalhar onde as coisas acontecem. O Ital  trabalha para melhor a qualidade e aumentar a vida dos alimentos, além de garantir a segurança nutricional. E nós temos um instituto de envergadura em SP, mantido com recursos do Estado. Precisamos gerar resultados para a sociedade", ressaltou Matturro, lembrando que a cada R$ 1 investido na pesquisa agropecuária do Estado, R$ 16,23 retornam para a sociedade, segundo dados do mais recente Balanço Social da Apta.

Pela Secretaria de Agricultura também estiveram presentes o secretário executivo, Adriano Quércia Soares, o subsecretário de Agricultura, Orlando Melo de Castro e o subsecretário de Segurança Alimentar e da Codeagro Celso Matsuda, ao lado de representantes e convidados das secretarias de Administração Penitenciária, Cultura e Economia Criativa, Desenvolvimento Social, Direitos da Pessoa com Deficiência, Educação, Infraestrutura e Meio Ambiente, Justiça e Cidadania, Logística e Transportes, Saúde, Orçamento e Gestão, e Turismo e Viagens.

Para mostrar  como o Ital atua, a diretora geral da instituição, Eloísa Garcia, lembrou que o órgão nasceu do Instituto Agronômico (IAC), em 1963, num contexto de crescimento da produção agrícola e consequente necessidade de redução de perdas dos alimentos produzidos. “Quando se tem perda do alimento impacta não só a economia, mas o meio ambiente. Não é só produzir, só entregar: tem que ser seguro e ser saudável”, destacou. Ela também detalhou a multidisciplinaridade e abrangência de atuação do Instituto, que é laboratório credenciado e está à frente de relevantes ações junto aos demais órgãos do Governo de SP, como análises de amostras das refeições do programa Bom Prato desde sua criação e de cestas básicas distribuídas pelo Fundo Social de Solidariedade desde o ano passado.

Após considerações dos presentes em torno da temática, pesquisadores do Centro de Ciência e Qualidade dos Alimentos (CCQA) do Ital apresentaram os laboratórios de Microbiologia, Biologia Molecular, Análise Sensorial, Microscopia, Análises Físicas e Análises Químicas – Bromatologia, Bioquímica, Resíduos e Contaminantes, Inorgânicos ICPs, Cromatografia Gasosa e Cromatografia Líquida. A visita foi conduzida pela diretora do CCQA, Roseli Ferrari, com apoio dos pesquisadores Beatriz Thie Iamanaka, Josué José da Silva, Kátia Cipolli, Gina Cardozo, Marcelo Morgano e Sílvia Tfouni.

Sobre o Ital

O Instituto de Tecnologia de Alimentos, localizado em Campinas/SP, é uma das instituições líderes em pesquisa aplicada na América Latina, exercendo papel central em inovação, pesquisa, desenvolvimento e assistência técnica especializada em alimentos, bebidas, ingredientes e embalagem. Fundado em 1963 como órgão público pioneiro no setor de tecnologia de alimentos no Brasil, o Ital é um dos institutos de pesquisa da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (Apta), ligada à Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado.

Atualmente o Ital opera centros tecnológicos especializados em carnes e produtos cárneos, cereais e chocolate, produtos lácteos, frutas e hortaliças, proteínas vegetais e embalagem. Possui laboratórios de referência em microbiologia, química, física e análise sensorial de apoio a PD&I. Certificado na norma ISO 9001, com parte dos ensaios acreditados na ISO/IEC 17025, o Ital também é laboratório credenciado pela Anvisa. Saiba mais em http://www.ital.agricultura.sp.gov.br.